Garotas Makers V – Parte 2

//Garotas Makers V – Parte 2

Garotas Makers V – Parte 2

Olá pessoal! Hoje, na segunda história da Quinta Temporada, vamos conhecer uma pessoa que sempre valorizou muito estudar e, apesar das dificuldades, sempre persistiu em seus objetivos e desenvolveu um projeto muito interessante, maker e ao mesmo tempo acadêmico, utilizando Arduino Lilypad. Além de tudo isso, possui uma fé muito grande em Deus! Esta é a Denise Barros!

Denise Alves de Barros tem 25 anos, natural de Campos do Jordão, SP e mora atualmente em São José dos Campos, SP. Cursou Tecnologia em Banco de Dados na FATEC São José dos Campos e atualmente faz Mestrado em Engenharia da Computação no ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica).

Garotas Makers V - parte 2_1

Figura 1 – Denise Barros (Fonte: Arquivo Pessoal Denise Barros)

Denise conta que morou durante 15 anos na região rural de Guaratinguetá, interior de São Paulo. E desde sua infância, seu sonho é “NUNCA PARAR DE ESTUDAR”. Sua vida escolar foi com muito esforço, pois sempre morou longe das escolas onde estudava. Além disso, ela conta que não era a melhor aluna da sala: “…Nem sempre fui a melhor aluna, porém desde de criança sempre fui muito determinada, principalmente na realização de todos os meus sonhos. Nunca medi esforços e lembro-me que sempre corria atrás para conseguir realizá-los. Até quando as coisas não iam bem ou não dava certo da forma que eu queira, eu fazia questão de prosseguir com muita fé em Deus, persistência, orações e motivações da família e amigos…”

Ao terminar o Ensino Médio, Denise se deparou com a dúvida que a maioria dos recém formados tem, que é o que fazer da vida. E no caso dela, em específico, se viu sem condições de arcar o custo de uma faculdade e nem como seus pais lhe ajudarem: “…Eu já sabia que meus pais não teriam condições de pagar uma faculdade particular e foi por isso que meu sonho era fazer uma faculdade gratuita. Foi nesta época que decide fazer a prova para o cursinho pré-vestibular da UNESP de Guará (FEG), pois precisava me preparar para os vestibulares, e fui aprovada.”

Denise sofreu um ‘baque’ depois da notícia que seus pais se mudariam para São José dos Campos, SP, após três meses do cursinho, mas ela preferiu seguir juntamente com a família: “No início fiquei triste com a notícia, pois meu maior desejo era finalizar o cursinho e prestar os vestibulares, mas mesmo sem entender não quis viver em Guará sem meus pais e após conversar com o coordenador do cursinho em Guará, ele me deu uma carta de recomendação para eu procurar vaga no cursinho pré-vestibular da UNESP de SJC.”

Ela se mudou para São José dos Campos em 2009, e conseguiu a única vaga disponível no Cursinho que lhe foi recomendada. Ainda sem saber para qual área prestar, no primeiro dia de aula Denise conheceu o professor Fernando Masanori Ashikaga (que foi a pessoa que me recomendou Denise para a Série Garotas Makers), que apresentou a FATEC São José dos Campos e os cursos existentes. Denise se interessou em prestar vestibular para lá.

Denise foi aprovada no vestibular para o curso de Tecnologia em Banco de Dados, após o término do cursinho. Apesar de suas muitas dúvidas sobre a área por ter tido pouco contato com informática, ela percebeu sua afinidade: “Até então eu tinha muito pouco contato com informática e por este motivo fiquei com dúvidas se realmente deveria fazer aquele curso, mas no primeiro semestre da faculdade já percebi que me daria bem nesta área, pois apesar de ser difícil fiquei muito motivada devido aos grandes desafios da área e as oportunidades de inovação. Ao obter boas notas nas matérias mais difíceis de programação da faculdade percebi que realmente deveria prosseguir e finalizar a faculdade.”

No último ano de faculdade, Denise foi apresentada à Lilypad Arduino através de seu orientador, prof. Giuliano Bertoti: “…ele me apresentou o site do LilyPad que é um microcontrolador Arduino com uma característica diferenciada por ser uma tecnologia vestível e vi alguns Workshops com meninas no exterior utilizando esta tecnologia embarcada. Neste dia nasceu um grande sonho, pegar um LilyPad em minhas mãos, ter um kit LilyPad e aprender a programá-lo.

Garotas Makers V - parte 2_2

Figura 2  – Arduino Lilypad Main Board (Fonte: http://lilypadarduino.org/?p=128)

Juntamente com seu orientador, Denise redigiu um artigo apresentando a ideia que poderia ser implementada usando um Arduino Lilypad. Por conter somente ideias teóricas ao invés de resultados e análises reais, o artigo não foi aceito. Denise conversou sobre o ocorrido com o prof. Dr. Wilson Cabral, que lhe orientou em sua iniciação científica no ITA: “Resolvi contar ao professor Wilson Cabral, que foi meu orientador na Iniciação Científica realizada no ITA, ele na ocasião, ia viajar para os USA e me trouxe de presente um Kit LilyPad para eu implementar meu trabalho de graduação. Confesso que fiquei muito feliz por ganhar o kit LilyPad, muito motivada e com interesse de criar algo simples mas útil e inovador utilizando esta tecnologia embarcada”.

Garotas Makers V - parte 2_3

Figura 3 – Kit Lilypad usado por Denise em seu TCC (Fonte: Arquivo pessoal Denise Barros)

Em seu trabalho de Conclusão de Curso, Denise e seu orientador desenvolveram um cinto detector de quedas para idosos, devido às muitas quedas sofridas pela avó dele: “Sendo assim desenvolvi o sistema descrito no esquema abaixo utilizando uma bateria, uma campainha, um microcontrolador LilyPad, um acelerômetro, uma interface de comunicação via bluetooth LilyPad, um módulo bluetooth para envio de alertas ao celular do responsável. Estes componentes foram costurados em um cinto. Vários testes foram realizados para detecção das quedas em diferentes posições.”

Garotas Makers V - parte 2_4

Figura 4 – Cinto desenvolvido por Denise em seu TCC (Fonte: Arquivo Pessoal Denise Barros)

Garotas Makers V - parte 2_5

Figura 5 – Arquitetura do TCC de Denise (Fonte: Arquivo pessoal Denise Barros)

Seu trabalho obteve muito sucesso, fazendo com que participasse de bancas de TCC, palestras e cursos de férias na FATEC SJC. Isto foi uma das motivações para que se inscrevesse no Mestrado do ITA em Engenharia Eletrônica e de Computação, na área de Informática. Inicialmente, Denise desejava melhorar seu trabalho de graduação, na melhoria da coleta, validação e análise de dados de quedas sofridas pelos idosos.

Garotas Makers V - parte 2_6

Figura 6 – Membros da Banca de Denise: Diogo Branquinho e Wilson Cabral, Coordenador do Curso Banco de Dados: Eduardo Sakaue e seu orientador: Giuliano Bertoti (Fonte: Arquivo pessoal Denise Barros)

Denise foi aprovada em julho de 2014 para o programa de Mestrado, porém o tema de sua pesquisa atualmente mudou, segundo sugestão do orientador, prof. Dr. Carlos Henrique C. Ribeiro:  “Minha pesquisa do mestrado utiliza ROS que é um Sistema Operacional para Robôs, mas conhecido como um framework com diversas bibliotecas, ferramentas e sistemas para robótica. A partir deste sistema é implementado técnicas para redução de vunerabilidade e manutenção da conectividade em robôs E-pucks reais”.

Neste ano de 2016, Denise está prestes a finalizar seu trabalho de Mestrado. E ela conta sobre os desafios enfrentados por ela nessa trajetória Maker e Acadêmica: “…depois de obter estas experiências acadêmicas e superar várias dificuldades, sei o quanto vale a pena encarar os desafios e problemas como oportunidades para inovar. Eu posso dizer que cresci, amadureci, aprendi, errei, mas também reconheci meus erros para avançar e sempre confiei muito em Deus que é o único que sabe o que é melhor para mim e tem o melhor para o meu futuro, como prova disso, tem realizado em minha vida muito além do que sonhei. O segredo é ser totalmente dependente de Deus, por isso meu dever é conversar com Ele, contar tudo que sinto, penso e desejo, confiar nEle e não deixar de fazer a minha parte. Sempre peço a Deus para me ensinar a fazer a sua vontade e me ajudar a aceitar os seus planos para minha vida, pois são perfeitos e nem sempre são os meus…”

Garotas Makers V - parte 2_7

Figura 7 – Denise com seu orientador da graduação, Giuliano, e o Coordenador do Curso de Banco de Dados da FATEC SJC (Fonte: Arquivo pessoal Denise Barros)

A história de Denise me inspirou muito, tanto em ver seu esforço em sua trajetória e sua tamanha fé em Deus. Independente de qual religião você seja (ou até mesmo não tenha nenhum tipo de crença) é notório que suas motivações foram baseadas em sua fé. Além de todas suas atividades acadêmicas, Denise é líder das crianças na igreja que frequenta e professora voluntária no Projeto Jardim de Valores na COMAS – Comunidade Cristã de Ação Social situado no bairro Campo dos Alemães e espera futuramente realizar um trabalho voltado para crianças e robótica.

Garotas Makers V - parte 2_8

Figura 8 – Denise em sua graduação (Fonte: Arquivo pessoal Denise Barros)

E você? Foi motivado a ingressar em uma faculdade pública? A procurar um cursinho pré vestibular em uma instituição próxima? A desenvolver projetos em sua Faculdade, escola ou até mesmo pós-graduação, envolvendo o uso de plataforma Arduino ou qualquer outra do tipo? A fazer uma iniciação cientifica? A ajudar pessoas com seus projetos? Denise mostrou que é possível ir atrás de seus sonhos e projetos, mesmo em meio à situações adversas, através de sua persistência e vontade de vencer. Que você seja inspirado a fazer o mesmo, assim como ela fez.

Mais algumas histórias de mulheres inspiradoras como Denise e tantas outras que conhecemos estão vindo por aí. Aguarde as próximas histórias aqui no Embarcados Innovation, na Série Garotas Makers.

By | 2017-01-27T23:07:59+00:00 agosto 29th, 2016|Artigos|0 Comments

About the Author:

Mestranda em Automação e Controle de Processos, Engenheira de Controle e Automação, Técnica em Automação Industrial, ambos pelo IFSP. Atualmente trabalha como Montadora na Tudela Indústria. Pesquisadora no LABORE (Laboratório de Robótica e Reabilitação do IFSP). Hobbista e Maker, se interessou por Arduino desde 2013, e realizou projetos na área de Wearables voltados para entretenimento. Já realizou palestras e mini cursos em eventos de IoT, Arduino e Tecnologia, no RJ, PE, SP, DF, RS, CE, SC e GO. Articulista do Portal Embarcados, redige artigos sobre Arduino e mulheres na tecnologia. Fã de Angry Birds :D

Compartilhe com um amigo